VEJA COMO O PONTA DO FELIX PODE AJUDAR NA LOGÍSTICA DO SEU NEGÓCIO

4º Maior Porto do Brasil no recebimento de Fertilizantes

Exportação - RECEITA FEDERAL

SAIBA MAIS SOBRE EXPORTAÇÃO

NAVEGABILIDADE

  • DRAFT/CALADO 9 METROS
  • LOA 200 METROS

  • BEAM 33 METROS
Leia Mais

Acesso ao Line Up

Responsabilidade Ambiental

Leia Mais

O Caminho do mundo para o Brasil

Descubra a América do Sul através da Ponta do Félix

Localização Estratégica

ISPS CODE

  • AGTL amplia capacidade de armazenamento e embarque de grãos em Paranaguá


    A modernização das estruturas e de equipamentos dos portos paranaenses feitas pelo Governo do Estado nos últimos anos criaram ambiente favorável para as empresas que atuam em Paranaguá e em Antonina. Os investimentos privados previstos nos dois portos para até 2030 totalizam R$ 5,1 bilhões. Muitos deles já estão em andamento. É o caso da Armazéns Gerais Terminal (AGTL), que atua há 30 anos no embarque de granéis sólidos, como milho e soja, e possui capacidade de carregamento de 800 mil toneladas/ano. Apenas em 2016, a AGTL investiu R$84milhões para aumentar a capacidade de armazenamento e de embarque de granéis, com a construção de um novo sistema de descarga de grãos, uma nova linha de embarque e novos silos.
  • Projeto Porto Escola chega a comunidades ilhadas da Baía de Paranaguá


    O Projeto Porto Escola – Educação para a Sustentabilidade, ação da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa), chega às comunidades ilhadas da Baía de Paranaguá. Em novembro e dezembro, passou pela Ilha do Teixeira, comunidades de Europinha, de Piaçaguera, de Amparo, de Eufrasina, de São Miguel e, ainda, pelas escolas das comunidades de Nova Brasília e Encantadas, na Ilha do Mel.
  • Porto de Paranaguá investe em novo layout de operações


    A Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) está investindo em novo layout para atender os novos mercados de cargas de alto valor agregado. Os antigos armazéns ociosos utilizados até as décadas de 70 e 80 para movimentação de cargas como café, mate e madeira estão dando lugar para amplos pátios preparados para movimentação de produtos de alto valor agregado como ônibus, máquinas agrícolas e pás eólicas na faixa portuária primária do porto.
  • Appa encerra Porto no Campo em Londrina e Maringá


    A Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) encerrou, em Maringá e Londrina (28 e 29 de novembro), a terceira etapa do Programa Porto no Campo, que tem como objetivo levar aos produtores rurais, cooperativas, comerciantes, empresários e para população de todas as regiões do Paraná o processo de escoamento dos produtos exportados e importados pelos portos do Paraná.
  • Appa realiza 16ª Semana de Prevenção aos Acidentes de Trabalho com palestras e testes de saúde


    Está sendo realizada nesta semana, em Paranaguá, a 16ª Semana Interna de Prevenção aos Acidentes no Trabalho Portuário (SIPATP). O evento, que acontece até sexta-feira (2), reúne toda a comunidade portuária para abordar a importância do cuidado com a saúde, a segurança e a prevenção contra acidentes de trabalho. A 16ª SIPATP é promovida pela Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) e pelo Órgão Gestor de Mão de Obras (Ogmo), com apoio dos operadores portuários.

Escolha a melhor forma: